Azeite de oliva ajuda a prevenir o câncer de mama

img39

Azeite de oliva ajuda a prevenir o câncer de mama

Uma boa alimentação tem papel fundamental na nossa saúde e isso não é novidade. Quem mantém uma nutrição balanceada, rica em verduras, frutas, verduras, peixes, grãos integrais, entre outros produtos saudáveis, tem menos risco de desenvolver doenças, principalmente as doenças cardiovasculares e câncer.  

Muitos estudos já mostraram que alguns alimentos, como o brócolis, por exemplo, contêm compostos ativos que agem na prevenção do câncer. Acaba de ser publicado um estudo no The Journal of the American Medical Association (JAMA) que mostrou que a ingestão regular de azeite de oliva extravirgem reduz a incidência do câncer de mama.

O estudo foi realizado pela Universidade de Navarra, na Espanha, e avaliou 4.282 mulheres, entre 60 e 80 anos. Durante seis anos, as mulheres foram divididas em três grupos. O primeiro seguiu a dieta mediterrânea e foi suplementada com azeite de oliva extravirgem. O segundo grupo seguiu a dieta mediterrânea e foi suplementada com oleaginosas (castanhas, nozes, amêndoas, etc.). O terceiro grupo seguiu apenas uma dieta com redução de consumo de gorduras.

Os pesquisadores observaram uma redução de 62% na incidência do câncer de mama no grupo que seguiu a dieta mediterrânea com suplementação de azeite de oliva extravirgem. Uma das explicações é que o azeite protege o organismo das mutações que levam ao desenvolvimento de tumores, ajudando na prevenção primária, além do efeito antioxidante.

A dieta mediterrânea é o nome que se dá aos hábitos alimentares das populações que vivem em países banhados pelo mar Mediterrâneo, como França, Itália, Portugal, Espanha, Turquia, etc. Embora os hábitos possam variar de uma região para outra, em geral nota-se:

– Elevado consumo de frutas, legumes, verduras, leguminosas, sementes e outros cereais

– Elevado consumo de azeite de oliva extravirgem

– Maior quantidade de peixe e menor quantidade de carne

– Quantidades moderadas a baixas de queijos e iogurtes

– Consumo moderado de vinho

– Maior consumo de produtos frescos e menor de produtos industrializados

– Estilo de vida ativo

– Baixo consumo de carboidratos simples

Mais estudos são necessários para entender como exatamente alguns alimentos previnem o câncer de mama. Mas, é importante notar que a dieta tem papel fundamental na saúde e quanto mais saudável ela for, melhor. A dica é aumentar o consumo de azeite de oliva extravirgem no dia a dia. Fique atenta à quantidade, pois se trata de uma gordura que não deve ser usada em grande volume devido às calorias.